domingo, agosto 17, 2014

dos amores intercontinentais

(ou:
porque sou
internacionalista,
anarquista,
universalista,
holística
e o que mais
a linguagem verbal
conseguir abranger
nesse sentido
- expandido -
do que conhecemos...)

da luta
pela aceitação
de que estados
(d/e espíritos)
não têm fronteiras

e que ser
é raíz.
(pro/fundo)

e os territórios
são livres;
e vastos.

e a vida brota
em toda parte:
o tempo todo.

quinta-feira, agosto 14, 2014

s/t

ouvindo:
o barulho da rua
as rodas no alfalto
o ruído dos motores
as freadas dos ônibus
e buscando silêncio
dentro de mim

espera
respira

sexta-feira, junho 27, 2014

LIXRO

talvez a melhor coisa quando você tá travada num processo/projeto seja mergulhar em memórias.
tou numas imersões malucas, viagens por referências antigas e lembranças - algumas doídas.
mas tá sendo bom pra me ajudar a afinar a voz: buscar o timbre certo pro que quero contar.

acho que meu primeiro LIXRO vai ficar bonito.

(ou explicando porque, muito provavelmente, este blog vai ficar às moscas novamente...)